Ir para o conteúdo principal
Alivie sua azia com 6 passos simples

Azia

Alivie sua azia com 6 passos simples

Existem vários tipos de problemas digestivos. Porém, os sintomas da azia são os mais presentes na vida dos brasileiros. Isso provavelmente está ligado a alguns fatores culturais, tão comuns em nossa rotina.

Já é hábito do brasileiro degustar um churrasco no final de semana, comer uma feijoada na sexta-feira e se deliciar com um acarajé cheio de pimenta. Independente da região, nosso país possui uma cultura diretamente ligada a uma alimentação mais “pesada” ou gordurosa.

Para você não precisar abdicar das delícias típicas da sua cultura e região de origem, vamos te dar algumas dicas para aliviar a azia. Essa sensação de queimação, que pode começar no estômago e seguir até a garganta, é bastante incômoda. E, além disso, pode aparecer também durante à noite1.

Confira algumas dicas que podem ser colocadas em prática durante o dia para minimizar os inconvenientes sintomas da azia!

  • Evite alimentos gordurosos2

    Os alimentos que provocam azia são aqueles que causam o excesso de liberação de suco gástrico, ferindo, assim, a parede interna do estômago. Entre eles, estão os industrializados, que possuem conservantes, gorduras ou açúcares.

    Alimentos mais naturais e frescos são um bom caminho para evitar sintomas da azia.

  • Reduzir a quantidade de alimento durante as refeições2

    Quando comemos muito e o estômago fica cheio, também produzimos muito suco gástrico. Assim, a recomendação é que as refeições sejam menores e mais frequentes.

  • Evitar deitar após as refeições2,3

    Pessoas que sofrem de azia podem ter a boca do estômago mais aberta que o normal, facilitando a passagem de suco gástrico para a garganta - o que não deveria acontecer. Por isso, a posição horizontal facilita o surgimento de sintomas de azia.

    Nesse caso, o recomendado é esperar cerca de duas horas após as refeições para descansar. E, nesse momento, evitar deitar-se sobre o lado direito, para não pressionar o estômago.

  • Evitar bebidas durante as refeições2

    Consumir líquidos durante as refeições, ainda que de origem natural, podem aumentar o volume do conteúdo no estômago e facilitar o retorno para o esôfago.

  • Fazer exercícios físicos e manter uma alimentação saudável

    Movimentar o corpo é sempre a melhor saída para manter a saúde. Aposte em leves caminhadas, para começar. E, se quiser e se sentir bem, vá aumentando gradativamente o grau de esforço. Mas lembre-se: depois das refeições, você deve esperar pelo menos duas horas para se exercitar.

Dica bônus: consulte seu médico!

Por último, mas não menos importante, uma dica bônus. Se os sintomas forem persistentes, não hesite: consulte um médico especialista. Somente um profissional da saúde pode te dar um diagnóstico correto e um tratamento direcionado para garantir sua saúde. 

Referências:

  1. Orr WC. Management of nighttime gastroesophageal reflux disease. Gastroenterol Hepatol 2007; 3 (8): 605–606
  2. CFF – Conselho Federal de farmácia. Azia (acidez/pirose) e dispepsia. In:_____ Guia de prática clínica. Sinais e sintomas do trato gastrointestinal. 2020. Disponível em: https://www.cff.org.br/userfiles/Guia%20-%20AZIA(1).pdf. Acesso em Jul. 2021.
  3. Sandhu DS, Fass R. Current trends in the management of gastroesophageal reflux disease. Gut and Liver 2018; 12 (1): 7–16.

PM-BR-SON-21-00017-AGO/2021

Quer dicas para viver melhor com esses desconfortos?

Quer dicas para viver melhor com esses desconfortos?

Conheça nossas dicas.

Saiba mais

seu problema

Seu problema é com dor de cabeça?

Veja aqui tudo sobre dores de cabeça.

Saiba mais

QUER FALAR COM A GENTE?

Ou relatar um evento adverso?