Ir para o conteúdo principal
Como está a saúde da sua cabeça?

DOR DE CABEÇA

Como está a saúde da sua cabeça?

Quando lemos uma frase assim, logo pensamos em psicólogo, terapeuta e demais profissionais da saúde que cuidam das questões mais subjetivas. Mas você sabia que a saúde mental está diretamente relacionada com a forma como você lida com o seu corpo?

Em meio a pandemia do Covid-19, pessoas que nunca haviam experienciado sintomas de dor de cabeça tiveram pela primeira vez. Quem já sofria com esse sintoma teve o mesmo potencializado, já que o sistema nervoso central ficou mais sensível e sobrecarregado.

Fatores como trabalhar em casa, cuidar de várias tarefas ao mesmo tempo e parar de fazer exercícios físicos tornaram-se parte do “novo normal” desde março de 2020, quando a pandemia nos privou de atividades rotineiras. Fora toda a questão do afastamento social, da saudade da rotina, dos amigos, da família...

A dor de cabeça tem se tornado uma reclamação constante dentro das casas. Segundo o relatório do IQVIA, consultoria que coleta estatísticas do mercado de saúde e bem-estar, a compra de analgésicos que não necessitam de prescrição médica, como Sonrisal, aumentou em quase 70% em 2020 em comparação ao ano anterior1.Segundo o relatório do IQVIA, consultoria que coleta estatísticas do mercado de saúde e bem-estar, a compra de analgésicos que não necessitam de prescrição médica, como Sonrisal, aumentou em quase 70% em 2020 em comparação ao ano anterior1.

No Google, a busca para a expressão “dor de cabeça” teve um aumento de 33% entre março e julho de 2020 em relação a 20192. Com isso, as pessoas acabam procurando soluções conhecidas para solucionar esses problemas. É preciso acompanhar de perto com um médico, mas se forem dores menos complexas, existem alguns analgésicos isentos de prescrição, sobretudo os efervescentes, que aliviam os sintomas em poucos minutos3.

Saiba como métodos simples podem auxiliar a evitar as dores de cabeça:

  • Beba bastante água! A desidratação é um dos sintomas mais comuns da dor de cabeça. Especialistas dizem que, em média, um adulto deve beber no mínimo dois litros por dia.
  • Preste atenção na sua postura! Um ambiente de trabalho confortável e com a iluminação adequada, ainda que em casa, pode fazer com que a dor de cabeça desapareça.
  • Tire um tempo para você! Se possível, fique algumas horas do dia longe de telas (celulares, computadores e tablets).
  • Pratique algum exercício físico! O sedentarismo também está diretamente relacionado às dores de cabeça
  • Técnicas de meditação e mindfulness ajudam a minimizar sintomas.

O corpo é um só e está todo interligado. Uma vida com práticas mais saudáveis tem efeito de causa e consequência para um dia a dia com menos desconfortos. Experimente! E sempre procure um médico em caso de algum sintoma persistente.

Referências:

  1. IQVIA: https://www.iqvia.com/about-us/commitment-to-public-health/covid-19-resources
  2. Google trends
  3. IPCI, K., et al. Effervescent tablets: a safe and practical delivery system for drug administration. ENT updates. v. 6, n. 1, abr. 2016. 46-50p.

PM-BR-SON-21-00011-JUN/2021

seu problema

Seu problema é a azia?

Veja aqui alguns motivos e entenda como você pode melhorar.

Saiba mais

Quer dicas para viver melhor com esses desconfortos?

Quer dicas para viver melhor com esses desconfortos?

Conheça nossas dicas.

Saiba mais

QUER FALAR COM A GENTE?

Ou relatar um evento adverso?